domingo, dezembro 18, 2016

Saudade






É a dor que persegue
É o nó na garganta
É o embrulho no estômago
É o aperto no coração

É o silêncio 
É o alento
É o vazio 
É a ferida que não cura

É sentir a amargura 
Da metade que partiu
É o desfecho incerto
É a tristeza que refletiu 

É rever as mesmas fotos como se fosse a primeira vez 
É desejar da forma mais profunda voltar no tempo
É acordar no meio da noite com lágrimas nos olhos 
É ser incapaz de controlar as emoções

É ouvir sua música favorita 
É perder as convicções 
É mantê-lo no pensamento
É procurar o discernimento

É o desejo de partir para encontrar
É o desejo de ficar para recordar
É fechar os olhos para ver
Que a vida passa e nos deixa somente a saudade

E quando a saudade se aconchega no peito, não tem quem a tire
Saudade é a dor que me faz lembrar 
Que aqui dentro de mim, ele tem seu lugar

Pai, Te Amo. 



Um comentário: