segunda-feira, julho 27, 2015

25 coisas que toda mulher já fez


Em algum momento da sua vida você já fez pelo menos uma dessas coisas, ou até mesmo todas! Veja aqui a lista: 

1. Já quase furou o olho com o rímel
Tenho certeza que não é só comigo que isso acontece!


2. Já falou para a mãe do seu amigo que estava sem fome mas na verdade estava com muuuuita fome
-Você já comeu?
-Já, já. Acabei de jantar (só que não).


3. Já entrou na farmácia só para se pesar
-Droga, engordei.

4. Já fechou a porta da geladeira devagar só para ver quando a luz apaga
Sim, eu sei que você já fez isso também.


5. Já experimentou milhões de roupas na loja e saiu sem comprar nada
Oito vestidos, cinco calças, dez blusas, quatro saias... zero compras.


6. Já fez as unhas e depois foi lavar a louça
-Ai droga, a louça!!


7. Já coçou o olho e lembrou que estava maquiada
E corre pegar o espelho pra ver o estrago que fez.


8. Já falou 'vamos só ser amigos' para algum menino interessado em você 
Acontece.

9. Já desistiu de colocar cílios postiços porque ficou horrível e não tinha tempo de arrumar
Um lado pode até ter ficado bom, mas o outro...


10. Já assumiu o quanto era brega quando mais nova
-Nossa, como eu tive coragem de sair assim de casa?


11. Já ficou com batom no dente
Depois de ter falado com mil pessoas na festa, você vai no banheiro e vê aquela coisa bonita.


12. Já usou um salto alto que ficava perfeito com a roupa mas seu pé sofreu amargamente por essa decisão
Você sabe que aquele sapato destrói o seu pé mas meeeeesmo assim você usa ele de novo.


13. Já comprou só porque estava barato
-85% de desconto??? Tenho que levar! (Dois meses depois: -Porque eu comprei isso aqui mesmo?)


14. Já deu aquela checada no celular do marido/namorado
Não é desconfiança nem insegurança, é só curiosidade mesmo.


15. Já se matou pra colocar aquela calça que não entrava de jeito nenhum
-Ela vai entrar!! Tem que entrar!


16. Já procurou o seu nome completo no Google pra ver o que aparece
Quem nunca?

17. Já teve vontade de rir nos momentos mais errados possíveis
Reunião no trabalho, sala de aula, pai te dando uma bronca? Aaaa, esses são os melhores momentos para rir.

18. Já fingiu que não viu a pessoa pra não ter que cumprimentar
-Opa! Alguém me mandou uma mensagem...


19. Já procurou desesperadamente pelo celular que estava na sua mão
E quando "acha" sente um alívio enorme. Hahaha


20. Já espirrou quando tinha acabado de passar rímel
Parece praga!

21. Já falou: "segunda eu começo a dieta"
Come que nem uma louca no domingo, depois fala isso.


22. Já falou que não vai sair porque está 'sem roupa'
O clássico. Haha

23. Já percebeu só depois nas fotos que a maquiagem não estava tão bonita assim
Ops.

24. Já mentiu que não estava brava quando na verdade queria matar alguém
-Brava? Eu?

25. Já teve preguiça de se depilar e então vestiu calça. 
Calças pra que te quero.



Imagens: giphy 


Beijos,

Rachel

quinta-feira, julho 16, 2015

Criticas, sarcasmo e narcisismo

Este texto é dedicado aos críticos. Eles estão por toda a parte. Não me refiro às pessoas com pensamento crítico. Me refiro àqueles que só vêm o negativo nos outros, aqueles que usam de meios verbais e por escrita (seja em redes sociais ou blogs) para classificar e ofender a outros. É aquela pessoa que só sabe falar de si mesma e quando é para comentar de outros é para falar mal. Se você é um desses críticos, tome cuidado.

Em 2010 a Wake Forest University fez um estudo que comprova que ver outras pessoas de forma positiva esta diretamente ligado ao quão feliz, gentil e emocionalmente estável você é. Eles chegaram a conclusão que a sua percepção a respeito dos outros revela sobre sua própria personalidade. No estudo, eles fizeram os participantes classificarem personalidades positivas ou negativas de três pessoas. Eles descobriram que os participantes que viam coisas positivas nas outras três pessoas eram mais felizes, gentis, corteais, e emocionalmente estáveis. O estudo mostrou também que ver os outros de forma positiva esta diretamente relacionado ao quão satisfeito você está com a sua vida. Em contraste, as pessoas que viam os três participantes de forma negativa estavam mais ligadas à altos níveis de narcisismo. Eles provaram que o simples fato de ver o negativo nas outras pessoas mostra grandes chances de depressão e distúrbio de personalidade.

Eu acredito que o mundo já tem críticos demais por isso devemos inspirar e motivar pessoas. É muito fácil ver falhas, defeitos, criticar e classificar as pessoas. É muito fácil, e essa é a razão que o mundo já está cheio deles (nos dois sentidos, de quantidade e de estar de 'saco cheio' mesmo. Haha). E é incrível como essas pessoas usam aquele ar de sarcasmo para falar dos outros, como que se usar o sarcasmo as fizessem mais inteligentes. Tomar o caminho oposto é muito mais difícil, eu sei. Mas você quer ser feliz ou ter distúrbios de personalidade? Eu acredito que ninguém é melhor que ninguém, e que nesta vida a única pessoa que você deve superar é a si mesmo. Aprendi que somos todos filhos de Deus.


Vou falar de outra pesquisa aqui. Eu li uma matéria na Revista Galileu com o título: "Não se iluda: você provavelmente não é acima da média." Achei muito interessante. O texto começa falando: "Faz sucesso na internet um texto que diz como os medíocres estão dominando o mundo, e como os verdadeiros gênios da humanidade vêm sendo sufocados pela súcia sem talento. Imagino que a maior parte das pessoas que compartilhou o link tenha se identificado com o sofrimento dos pobres gênios massacrados, e não com a malta conformista e invejosa." Mas mais pra frente eles explicam que ser "gênio" é coisa rara, e muito rara. E que seria mais provável essa pessoa que postou esse tipo de texto estar na categoria medíocre. Lá eles mostram um dado de que 80% das pessoas acreditam ser acima da média.  Eles explicam mais para frente que a culpa é do "chamado erro fundamental de atribuição: a tendência de acharmos que, quando os outros erram, a culpa é deles e que, quando nós erramos, a culpa é das circunstâncias." É simples assim. E isso se aplica perfeitamente com o que eu estava falando. Nós não nos classificamos com adjetivos pejorativos porque nunca cometemos um erro tão 'idiota' como aquela outra pessoa, não é? Ou até cometemos, mas foi culpa da 'circunstância', não nossa! A verdade é que quando criticamos alguém a probabilidade de termos cometido o mesmo erro é bem alta. E então? O que você vai decidir para a sua vida? 

"Muitas das falhas que você vê nos outros, são seus próprios defeitos refletidos neles." (Jalal ad-Din Muhammad Rumi)

Rachel